Mealhada, Mortágua e Penacova criam marca “Mondego – Bussaco”

Os municípios da Mealhada, Mortágua e Penacova vão criar a marca “Mondego-Bussaco” para promover e dinamizar a oferta turística destes três concelhos.

Na base do projeto está a construção de uma marca que “identifique este território como destino turístico”, bem como a valorização de alguns dos seus produtos, no que respeita ao turismo de natureza ou aventura, a gastronomia e o património, informou a Câmara Municipal da Mealhada, numa nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Nestes territórios vizinhos – Mealhada, Penacova e Mortágua, nos distrito de Aveiro, Coimbra e Viseu, respetivamente, – destacam-se o Palácio Hotel do Bussaco, o Mosteiro de Lorvão, o Mosteiro de Santa Cruz, o Museu Militar e os trilhos das Invasões Francesas, o Museu Vitorino Nemésio e os núcleos de moinhos de vento.

“A ligação entre estes três municípios é óbvia. Desde logo, por estarmos na zona de influência da serra do Bussaco. Há um património natural e histórico de grande relevância que é preciso potenciar e este projeto vai ao encontro desse objetivo”, sublinhou, citado na mesma nota, o presidente da Câmara Municipal da Mealhada, António Jorge Franco.

Os três municípios assinaram um protocolo de parceria.

O projeto inclui a criação de um plano de comunicação, o desenvolvimento das ações que integram esta operação de dinamização cultural e turística e, numa fase posterior, a sua consolidação, com capacidade para ser utilizada enquanto ativo de promoção territorial.

A ideia é “estruturar toda esta oferta e formatá-la enquanto produto turístico”, justificou o presidente da Câmara Municipal de Mortágua, Ricardo Pardal.

“Somos um território riquíssimo, com uma oferta muito diversificada. Basta olhar à nossa volta e ver, por exemplo, o potencial das albufeiras das barragens e o conjunto de atividades ao ar livre que permitem desenvolver, desde os desportos náuticos, às caminhadas, passando pelas praias fluviais”, acrescentou.

À riqueza patrimonial e natural junta-se ainda a diversidade da gastronomia, desde o leitão, aos vinhos da Bairrada, à lampantana, ao arroz de lampreia e à doçaria conventual.

O presidente da Câmara Municipal de Penacova, Álvaro Coimbra, sublinhou que “só unindo esforços e trabalhando em parcerias” é que se consegue afirmar aquela região enquanto destino turístico.

“O turismo tem sido um motor da economia nacional e as estatísticas provam que há cada vez maior procura e curiosidade pelas regiões do interior. Temos de estruturar o nosso produto e darmos a conhecer um território que merece ser descoberto”, concluiu.

Partilhar
Autor
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Acidente carro
Colisão entre motociclo e veículo ligeiro em Viseu provoca uma vítima mortal
2
Viseu
Centro histórico de Viseu sem carros ao fim de semana até setembro
3
urgências médico hospital
Hospital de Viseu com central de esterilização informatizada
4
Académico_de_Viseu
Mafra vence Académico em Viseu com um golo de Falé

Artigos relacionados

pexels-pixabay-47730
CINFAES
santa comba dão
Oliveira de Frades Rockfest
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Fique por dentro das últimas novidades e conteúdo exclusivo.
Procurar
Últimas notícias
pexels-pixabay-47730
Quase 100 pessoas impedidas de entrar em recintos desportivos em 2024 – APCVD
Acidente carro
Colisão entre motociclo e veículo ligeiro em Viseu provoca uma vítima mortal
CINFAES
Câmara de Cinfães atribui mais de 100 mil euros em 216 bolsas de estudo
santa comba dão
Autarca de Santa Comba Dão considera que “há outras maneiras” de celebrar democracia