EQUIPA DE ANDEBOL EM CADEIRA DE RODAS CONSTITUÍDA NA CIDADE DE VISEU

1356

Decorreu no passado dia 15 de setembro, no Pavilhão Desportivo do Estabelecimento Prisional de Viseu (Campo), o primeiro treino da equipa de andebol em cadeira de rodas constituída na cidade de Viseu. Esta nova modalidade desportiva coletiva é dirigida à população com deficiência /incapacidade motora e resulta de uma parceria de trabalho tripartido entre a Associação Invictus Viseu, a Associação de Andebol de Viseu e o Município de Viseu, que pela partilha de recursos e competências múltiplas, encontram-se a fortificar diariamente todas as condições necessárias para melhorar continuamente a prática deste desporto, destinado não só a pessoas com deficiência motora residentes no concelho de Viseu, mas também a potenciais atletas pertencentes a todo o distrito de Viseu, quer do género feminino, quer masculino. A génese desta equipa conta ainda com o apoio de algumas entidades locais, bem como nacionais, como é o caso da Federação de Andebol de Portugal, estando assim integrada no seu projeto Andebol4ALL.

Nesta primeira fase, a modalidade inicia-se numa vertente recreativa, perspetivando-se com o seu desenvolvimento gradual e sustentado, uma aposta futura na vertente federada de competição.

O andebol em cadeira de rodas é um desporto coletivo, de oposição, que tem como população-alvo, pessoas com uma ou mais formas de deficiência/incapacidade motora, de ambos os géneros e que se enquadrem numa ou mais categorias desportivas internacionais, nomeadamente: Amputados; Paralisia cerebral; Lesionados medulares e “Les Autres”, isto é, outras incapacidades/deficiência motora não incluídas nas outras três categorias.

Até ao momento, a equipa é constituída por 10 atletas, com idades compreendidas entre os 22 e os 61 anos. A pensar na formação desportiva de jovens com deficiência motora/incapacidade que possam ter interesse em praticar a modalidade e possibilitar a prática desportiva a mais pessoas, tornando-as assim, fisicamente mais ativas e socialmente incluídas, a Invictus Viseu, manterá aberta a fase de captação de potenciais atletas séniores, permitindo igualmente, a participação de população infanto-juvenil, mais propriamente, de crianças/jovens a partir dos 10 anos de idade.

A criação desta equipa/modalidade tem como principais objetivos:

  1. Alargar o leque de modalidades desportivas adaptadas e de vertente coletiva, possíveis de serem praticadas por pessoas com deficiência/incapacidade motora, residentes no concelho e distrito de Viseu;
  2. Proporcionar a prática de andebol a todos aqueles(as) que até aqui não o praticavam, e que terão agora essa oportunidade, incluindo estas pessoas na sociedade através do Desporto;
  3. Reconhecer a importância do envolvimento das famílias de cidadãos com deficiência, enquanto elementos-chave no sucesso de ações deste âmbito;
  4. Evidenciar a importância que o desporto pode assumir na vida de todos os cidadãos, sendo este um veículo privilegiado para a reabilitação e melhoria da autonomia;
  5. Enfatizar as várias dimensões que a inclusão pode assumir (desportiva, social e educativa) no desenvolvimento integral do ser humano;
  6. Fomentar valores éticos na comunidade através do desporto, no que respeita à aceitação, interajuda e convivência para com a diferença.

Os treinos decorrem todas as segundas e quartas-feiras, das 19h00 às 20h30, no Pavilhão Desportivo do Estabelecimento Prisional de Viseu (Campo), pelo que os(as) interessados(as) em obter mais informações, observar ou realizar um treino experimental, deverão contactar previamente a Associação Invictus Viseu, através dos seguintes contactos: 939 397 401 / geral@invictusviseu.pt