Câmara de Lamego prevê execução de projetos de 50 ME financiados pelo PRR

A Câmara Municipal de Lamego prevê que sejam executados no concelho projetos financiados por fundos europeus do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) no valor de 50 milhões de euros, alguns dos quais já se encontram em curso.

Até agora, foram aprovados mais de oito milhões de euros (ME) de investimento, que têm como principais instituições beneficiárias a própria autarquia, o Museu de Lamego, o Agrupamento de Escolas Latino Coelho, a associação Portas P’rà Vida, empresas e particulares.

Segundo o presidente da Câmara, Francisco Lopes, seis candidaturas municipais já estão aprovadas e em execução, nomeadamente as referentes à criação da residência de estudantes universitários, à requalificação e conservação do Museu de Lamego, à modernização da infraestrutura tecnológica do Museu de Lamego e do Convento de Ferreirim, ao desenvolvimento de um plano de transição digital na zona comercial da cidade e à melhoria das condições de acesso às habitações.

O autarca avançou que já foram submetidos mais dez projetos que estão a aguardar aprovação, que representam mais de 20 ME. Entre eles estão a construção do novo centro de saúde e de 108 novos fogos de habitação a custos controlados, a criação de equipa multidisciplinar do projeto-piloto “Radar Social” e a melhoria das condições de acessibilidade no edifício dos Paços do Concelho.

Outras sete candidaturas ao PRR estão em preparação e deverão ser apresentadas até ao final de março, precisando de um financiamento de quase 20 milhões de euros.

Francisco Lopes exemplificou com a reabilitação de edifícios municipais para a criação de 11 fogos de habitação a custos controlados, a requalificação e modernização da Escola Básica 2/3 de Lamego e da Escola Secundária da Sé, a adaptação de 32 passadeiras de arruamento da cidade a pessoas com mobilidade reduzida ou invisuais e a realização de obras em residências particulares.

No seu entender, existem “constrangimentos que dificultam e atrasam a execução destes projetos que podem inviabilizar o cumprimento do prazo para a conclusão do PRR negociado pelo Governo com a Comissão Europeia”, como “a existência de despesas não elegíveis, a alteração das regras entre avisos sucessivos e o desajuste dos valores de referência em relação aos valores atuais de mercado”.

Apesar disso, realçou a importância do PRR para o concelho, congratulando-se com “a dinâmica do município, das associações, das empresas e de promotores privados na apresentação de candidaturas bem-sucedidas”.

Partilhar
Autor
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Acidente carro
Colisão entre motociclo e veículo ligeiro em Viseu provoca uma vítima mortal
2
Viseu
Centro histórico de Viseu sem carros ao fim de semana até setembro
3
urgências médico hospital
Hospital de Viseu com central de esterilização informatizada
4
Académico_de_Viseu
Mafra vence Académico em Viseu com um golo de Falé

Artigos relacionados

pexels-pixabay-47730
CINFAES
santa comba dão
Oliveira de Frades Rockfest
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Fique por dentro das últimas novidades e conteúdo exclusivo.
Procurar
Últimas notícias
pexels-pixabay-47730
Quase 100 pessoas impedidas de entrar em recintos desportivos em 2024 – APCVD
Acidente carro
Colisão entre motociclo e veículo ligeiro em Viseu provoca uma vítima mortal
CINFAES
Câmara de Cinfães atribui mais de 100 mil euros em 216 bolsas de estudo
santa comba dão
Autarca de Santa Comba Dão considera que “há outras maneiras” de celebrar democracia