Adolfo César Pereiro é reeleito presidente da JSD Viseu

999

Decorreram, este sábado, as eleições para a Juventude Social Democrata da Concelhia de Viseu. O atual presidente da JSD, Adolfo César Pereira, mestrando em Economia na Católica Lisbon SBE, foi eleito para mais dois anos à frente da concelhia. Bruno Faria, mestrando em Comunicação Estratégica no Instituto Politécnico de Viseu, foi reeleito presidente de Mesa do Plenário.

 

Depois do primeiro mandato à frente da Comissão Política Concelhia, ao ter sido eleito fevereiro de 2019, o presidente considera que “muito foi feito, mas muito ficou por fazer” e quer “ir ainda mais além no trabalho pelos jovens do concelho”.

 

“Este mandato será marcado pelo trabalho nas eleições autárquicas e queremos fomentar a igualdade de oportunidade para todos os jovens, independentemente dos quilómetros que os separam do Rossio”, admite Adolfo César Pereira. Durante os próximos dois anos, a estratégia passa por colocar o tema da fixação dos jovens na agenda, com inúmeras atividades.

 

“Vamos continuar o rumo delineado e apresentar mais e melhores soluções para a melhoria da condição de vida dos jovens da nossa região, em áreas como o emprego, a educação, o ambiente e a habitação”. Diz ainda que é uma missão “continuar a formar a nossa geração para a participação cívica e política ativa, lutando para que os jovens tenham as ferramentas necessárias para decidir o seu próprio futuro”.

 

Sobre as eleições autárquicas, Adolfo César Pereira assegura que a equipa vai começar a trabalhar já na segunda-feira e a articular-se com a concelhia do PSD. As eleições “serão o culminar de um trabalho de valorização das políticas de juventude junto do PSD, das Juntas de Freguesia, da Assembleia Municipal e da Câmara Municipal”, refere o presidente da comissão política eleito.

Apesar do período pandémico atual, garante que “é nos cenários mais dantescos que nos reinventamos”. Desta forma, as primeiras atividades a desenvolver serão adaptadas ao contexto atual “com toda a segurança, porque adaptabilidade é a palavra de ordem nos tempos que correm”.