Universidade da Beira Interior forma mais de 350 jovens em suporte básico de vida

544

A Universidade da Beira Interior (UBI) está a realizar uma ação de formação em Suporte Básico de Vida (SBV), junto da comunidade escolar que já envolveu mais de 350 jovens, anunciou hoje a instituição.

Em nota de imprensa, a UBI, sediada na Covilhã (distrito de Castelo Branco), refere que o projeto Compressão pelo Coração teve origem entre os elementos de um grupo de antigos alunos da Faculdade de Ciências da Saúde (FCS-UBI) e tem como objetivo partilhar o conhecimento em SBV com a população, nomeadamente com os mais novos.

“O grupo que se desloca às escolas integra médicos, alunos dos vários anos de Medicina acompanhados de docentes, enfermeiros e técnicos de emergência, muitos deles com vasta formação e experiência na área de urgência pré-hospitalar”, lê-se na nota.

Os dinamizadores promovem as sessões durante o seu tempo livre e de forma voluntária, transmitindo os conhecimentos em SBV de forma adaptada a cada faixa etária, partilhando experiências e respondendo às inúmeras questões dos jovens.

Durante as sessões utilizam equipamento da FCS-UBI, como simuladores e desfibrilhadores automáticos externos de treino em SBV.

O projeto teve início em fevereiro e já possibilitou a formação de mais de 350 alunos do ensino básico, secundário e profissional, de dois agrupamentos de escolas da Covilhã e um de Viseu.

A UBI realça a importância do projeto Compressão pelo Coração, com o facto da formação de crianças e jovens “ser a forma mais eficaz de assegurar que uma grande proporção da população adquira capacidades para salvar vidas”.