Feirense e Académico de Viseu empatam 1-1 em jogo intenso

308

O Feirense e o Académico de Viseu empataram hoje 1-1, num jogo emocionante da 16ª jornada da II Liga, em que a equipa da casa desperdiçou um penálti.

Num jogo intenso e emocionante, disputado no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira, o Feirense colocou-se em vantagem com um golo de Jorge Teixeira, aos 74 minutos, mas o Académico de Viseu respondeu de imediato com uma grande penalidade convertida por André Clóvis (77). A equipa da casa desperdiçou um penálti para vencer o jogo, com Sidney Lima a falhar o alvo, aos 84 minutos.

O Académico de Viseu teve uma entrada impetuosa no jogo e André Clóvis deu o primeiro sinal de perigo aos seis minutos, num cabeceamento que saiu ao lado da baliza de Arthur.

O Feirense respondeu aos 18 minutos, quando João Tavares surgiu no coração da área em boa posição, mas a rematar para as mãos do guarda-redes Gril.

Num jogo de parada e resposta, o Académico de Viseu voltou a importunar a defesa dos ‘fogaceiros’, com Milioransa a rematar forte à entrada da área e com a bola a sair perto do poste, aos 20 minutos.

Perto do intervalo, Gril evitou o golo do Feirense por duas vezes, primeiro ao defender com os pés um remate de João Paulo (40) e, depois, com uma defesa acrobática que intercetou um remate colocado de Samuel Teles (45).

O jogo manteve-se equilibrado na segunda parte e o Académico de Viseu foi mais audaz nos minutos iniciais, obrigando Arthur a uma defesa apertada aos 53 minutos, depois de um remate de André Clóvis.

Aos 74 minutos, o Feirense acabou por inaugurar o marcador num cabeceamento de Jorge Teixeira, que desviou com eficácia um cruzamento de Tavares na esquerda.

Não durou muito a vantagem da equipa da casa, já que o árbitro Manuel Mota assinalou falta de Samuel Teles sobre Ramírez dentro da área, com André Clóvis a restabelecer a igualdade para o Académico de Viseu na conversão da respetiva grande penalidade, aos 77 minutos.

Num jogo de ‘loucos’, o Feirense dispôs de uma oportunidade flagrante para voltar para a frente do marcador, mas Sidney Lima desperdiçou uma grande penalidade que castigou derrube de Milioransa sobre Jardel, aos 85 minutos, rematando ao lado da baliza.

O empate ‘atrasou’ as duas equipas na luta pela subida, com os visitantes a manterem o terceiro lugar, com 27 pontos, enquanto o Feirense subiu, à condição, a quinto, com 24.

Jogo no Estádio Marcolino Castro, em Santa Maria da Feira

Feirense-Académico de Viseu: 1-1

Ao intervalo: 0-0

Marcadores:

1-0, Jorge Teixeira, aos 74 minutos.

1-1, André Clóvis, 77 (gp).

Equipas:

– Feirense: Arthur, Teles (João Oliveira, 82), Sidney Lima, João Pinto, Cláudio Silva, Lucas Santos, (Lucas Santos, 82) Washington, Tavares, André Rodrigues, João Paulo (Jorge Teixeira, 67) e Jardel (João Paredes, 90+1).

(Suplentes: Rogério, Igor, João Paredes, Fábio Espinho, João Oliveira, Jorge Teixeira, Tiago Dias e Oche)

Treinador: Rui Ferreira.

– Académico de Viseu: Gril, Bandeira, André Almeida, Arthur Chaves, Milioransa, Nduwarugira, Messeguem, Quizera (Yuri Araújo, 64), Gautier Ott (Ramírez, 75), Toro (Pana, 90+2) e André Clóvis (Daniel Labila, 90+6).

(Suplentes: Mbaye, Ícaro, Yuri Araújo, Ramírez, Mesquita, Daniel Labila, Silva, Luisinho e Pana)

Treinador: Jorge Costa.

Árbitro: Manuel Mota (AF Braga).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Messeguem (48), Jorge Teixeira (68) e João Paredes (90+6).

Assistência: cerca de 1.500 espetadores.