Académico de Viseu vence em Penafiel com golo ‘ao cair do pano’

240

O Académico de Viseu deu , dia 2, um passo firme rumo à permanência na II Liga de futebol, ao vencer no campo do Penafiel, por 2-1, logrando dar a volta ao resultado no jogo da 27.ª jornada.

Os viseenses entraram pior no jogo e estiveram em desvantagem, com o golo anotado por Rui Pedro, aos 22 minutos, mas conseguiram dar a volta ao resultado na segunda parte, com os tentos de Carter, aos 60, e de Ayongo, 83, um resultado que deu alguma folga ao Académico, agora no 13.º lugar, com 29 pontos, a oito do Penafiel, por agora no oitavo lugar.

Os locais juntaram ao domínio territorial inicial algumas aproximações (sem grande perigo) à baliza de Ricardo, que foi pouco Janota aos 22 minutos, numa deficiente abordagem de cabeça, fora de área, colocando a bola aos pés de Rui Pedro, que, em habilidade, ajeitou e levantou a bola, num ‘chapéu’ de medidas certas.

O golo premiava a superioridade e melhor qualidade do Penafiel, que, aos 30 minutos, ensaiou um novo desenho ofensivo, com Bruno César a finalizar, na área, a jogada que iniciara, valendo Ricardo Janota a desviar para canto o forte e colocado remate.

Os pupilos de Zé Gomes procuraram acentuar os sinais de melhoria do final do primeiro tempo após o intervalo e acabaram beneficiados por alguma apatia defensiva do Penafiel, bem visível no lance do empate, aos 60 minutos.

Yuri conseguiu vencer a oposição de dois adversários na direita e servir na área do Penafiel Carter, que teve tempo e espaço para receber, rodar e rematar cruzado e rasteiro, batendo Emanuel Novo.

O golo deu confiança ao Académico e afetou o Penafiel, que acusou desgaste físico e reincidiu nos erros, outra vez evidentes no segundo golo dos viseenses, aos 83 minutos.

Ayongo, há pouco tempo em campo, aproveitou uma hesitação do guarda-redes Emanuel Novo e dos centrais do Penafiel para, de fora da área, devolver o ‘chapéu’ no primeiro tempo e colocar o Académico em vantagem no marcador, algo que os locais, pelo quarto jogo consecutivo sem vencer, ainda tentaram contestar, mas sem grande sucesso.

Jogo disputado no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel – Académico de Viseu, 1-2.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Rui Pedro, 22 minutos.

1-1, Carter, 60.

1-2, Paul Ayongo, 83.

Equipas:

– Penafiel: Emanuel Novo, Capela, Dénis Duarte, Paulo Henrique (Pedro Soares, 84), Coronas, João Amorim (Júnior Franco, 78), David Caiado (Wagner, 67), Simãozinho, Bruno César, Rui Pedro e Robinho (Gustavo Henrique, 78).

(Suplentes: Luís Ribeiro, David Santos, Leandro Teixeira, Rafa Sousa, Júnior Franco, Gustavo Henrique, Wagner, Pedro Prazeres e Pedro Soares).

Treinador: Pedro Ribeiro.

– Académico de Viseu: Ricardo Janota, Tiago Mesquita, Pica, Mathaus, Jorge Miguel, Yuri Araújo (Paul Ayongo, 80), Fernando Ferreira (Paná, 70), Kelvin Medina, João Vasco (Joel,90+3), Carter e André Carvalhas (Diogo Santos, 81).

(Suplentes: Elísio, Rafael Melo, Joel, Filipe Soares, Diogo Santos, Jeremias Puch, Yang Sena, Paná e Paul Ayongo).

Treinador: Zé Gomes.

Árbitro: Fábio Veríssimo (AF Leiria).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Paulo Henrique (68), Paná (76), Mathaus (76) e Dénis Duarte (90+5).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.