Transdev levanta suspensão dos transportes na região de Viseu e Dão Lafões

448

A Transdev anunciou que levantou a suspensão dos transportes entre concelhos na região de Viseu e Dão Lafões, marcada para hoje, após compromisso da Comunidade Intermunicipal de regularizar os pagamentos em atraso.

 “A Transdev vai manter os serviços que presta à Comunidade Intermunicipal (CIM) de Viseu Dão Lafões na sequência do compromisso assumido ontem [quinta-feira], ao final da tarde, pelo presidente Rogério Mota Abrantes”, refere um comunicado da empresa enviado à agência Lusa.

 Segundo o documento, o presidente da CIM disse que “na próxima semana avança a regularização de todos os pagamentos em falta à Transdev e será também formalizada a relação contratual pela prestação de serviços de transporte mínimos essenciais referentes ao ano de 2021”.

 “Com a garantia que esta regularização vai ser formalizada na reunião do Conselho Intermunicipal”, agendada para o dia 13 de julho, a Transdev “decidiu manter os serviços que presta à CIM Viseu Dão Lafões até 20 de julho, sendo certo que se, até essa data, a situação não estiver regularizada, a Transdev será forçada a interromper os serviços nesse mesmo dia”, avisa a empresa.

 Em causa, lembra a empresa de transportes, “está uma dívida à Transdev superior a 1,2 milhões de euros, valor relativo aos serviços de transporte prestados no 4.º trimestre de 2020 e aos já realizados em 2021”.

 “Apesar da situação insustentável, a Transdev manteve os serviços de transportes durante o período de aulas para não lesar os utentes e é de novo a pensar nas pessoas que precisam destes serviços no seu dia-a-dia que a operação vai manter-se, na certeza que a CIM Viseu Dão Lafões vai honrar os seus compromissos, como assumido” esta quinta-feira, sublinha.

 A transportadora, que opera em todo o país há 20 anos, em especial nas regiões do Norte e do Centro, tem cerca de 1.800 colaboradores e uma frota superior a 1.500 viaturas, transportando anualmente cerca de 21 milhões de passageiros.