Torreense vence por 2-1 em Viseu e consegue primeiro triunfo da época

221

O Torreense alcançou hoje a primeira vitória da época na II Liga de futebol, ao vencer no Estádio do Fontelo o Académico de Viseu, por 2-1, em jogo da quinta jornada, deixando os beirões nos lugares de descida.

Picas, aos 24 minutos, e João Paulo, aos 32, deram os três pontos à formação orientada por Nuno Manta, com Toro, aos 52, a reduzir para os viseenses.

Um jogo onde o Torreense foi mais eficaz no aproveitamento das oportunidades, frente a um Académico de Viseu muito perdulário e que encontrou em Vagner um obstáculo praticamente intransponível na baliza dos forasteiros.

Depois de André Clóvis ter ameaçado aos oito minuto, com um remate de primeira a obrigar Vagner a uma grande defesa, o Torrense chegou ao golo na primeira aproximação perigosa à área dos viseenses, com Picas a aproveitar alguma apatia dos centrais, a ter tempo para escorregar, levantar-se e rematar fora do alcance de Domen Gril.

O Académico esteve perto do empate aos 28 e aos 30, de novo por André Clóvis, mas na melhor fase dos beirões o Torreense chegou ao segundo golo, na sequência de um canto, com um desvio ao primeiro poste a encontrar João Paulo solto e em posição para ‘fuzilar’ Domen Gril.

No segundo tempo, o Académico de Viseu reduziu aos 52 minutos, com Toro a aparecer ao segundo poste e a cabecear para o golo, após cruzamento de Capela na direita.

Ao maior assédio ofensivo dos beirões, respondeu o Torreense com uma defesa mais próxima da sua baliza, apostando em transições rápidas e, aos 88, o recém-entrado Mateus, em boa posição na área, viu Domen Gril a negar o terceiro golo.

Após a quinta jornada, o Académico de Viseu continua sem vencer, com três empates e duas derrotas, enquanto o Torreense somou o quarto ponto, e deixou provisoriamente a ‘zona vermelha’ da classificação.

Jogo disputado no Estádio Municipal do Fontelo, em Viseu.

Académico de Viseu – Torreense: 1-2.

Ao intervalo: 0-2.

Marcadores:

0-1, Picas, 24 minutos.

0-2, João Paulo, 32.

1-2, Toro, 52.

Equipas:

– Académico de Viseu: Domen Gril, Tiago Mesquita (Bandeira, 46), Arthur Chaves, André Almeida, Milioransa, Capela (Ramirez, 85), Toro (Paná, 64), Gauthier Ott, Famana Quizera (Nussbaumer, 70), Massimo (Javi Currás, 85) e André Clóvis.

(Suplentes: Mbaye, Nußbaumer, Ramirez, Kauã, Nduwarugira, Bandeira, Javi Currás, Pans, Vítor Bruno).

Treinador: Gil Oliveira.

– Torreense: Vagner, Rui Silva, João Paulo, Simão Rocha, Gustavo Marques, Renteria (Cícero, 70), João Lameira (João Afonso, 70), Guilherme, Picas (Frédéric Maciel, 90), Renato Santos (Diego Raposo, 81) e João Vieira (Mateus, 81).

(Suplentes: Léo, João Afonso, Frédéric Maciel, Mateus, Sambu, Diego Raposo, João Cardoso, Keffel e Cícero)

Treinador: Nuno Manta.

Árbitro: Anzhony Rodrigues (AF Madeira).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Capela (22), João Lameiras (26), Vagner (41), Massimo (84), Ramirez (88 e 90+4), Bandeira (90+5) e Frédéric Maciel (90+5). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Ramirez (90+4).

Assistência: Cerca de 1.800 espetadores.