Santa Comba Dão terá 400 mil euros para agenda cultural multidisciplinar

646

A Casa da Cultura de Santa Comba Dão vai ter 400 mil euros para dinamizar uma agenda cultural multidisciplinar até 2027, que terá a música como área principal, anunciou a Câmara Municipal.

Este apoio, considerado fundamental para a estratégia cultural do território, resultou da aprovação de uma candidatura apresentada à Direção-Geral das Artes (DGArtes) pelo município, em parceria com o Conservatório de Música e Artes do Dão (CMAD).

Após o desfecho positivo de “um trabalho persistente e empenhado de quatro anos”, os responsáveis pelo projeto estão convencidos de que esta “marca o início de um novo caminho cultural para o concelho”, com a implementação de uma agenda cultural que contará com o apoio direto do CMAD.

Segundo a autarquia, o diretor artístico da Casa da Cultura, Sérgio Neves, “terá um papel determinante na seleção da programação e na articulação com as várias entidades e auditórios ligados em Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses (RTCP)”.

“Santa Comba Dão vai assim usufruir de uma programação abrangente, com apresentações, espetáculos e atividades a desenvolver em seis domínios de atuação”, avançou.

Além de acolher espetáculos de grupos artísticos e companhias, “a Casa da Cultura vai promover eventos de circulação nacional (com o grupo residente Camerata do Dão), coproduções (com a RTCP, a ACERT e outras) e residências artísticas (a efetuar com associações locais)”, acrescentou.

Assim que estejam reunidas as condições técnicas, também o cinema regressará à Casa da Cultura.

A autarquia adiantou que a música e outras artes chegarão às escolas e às instituições concelhias, “numa aproximação à comunidade e partilha de diferentes expressões artísticas”.

O vereador Agostinho Marques sublinhou a importância deste apoio naquele que é “o caminho traçado para a cultura do concelho e que tem vindo a ser alicerçado numa aposta na diversificação cultural, no apoio às associações e na construção do Plano Estratégico para a Cultura, entre outras realizações”.

Além deste montante, a Casa da Cultura da Santa Comba Dão, no distrito de Viseu, contará também com um apoio de 150 mil atribuídos no âmbito da sua integração na RTCP.