Santa Comba Dão: Bloco apresenta lista à Assembleia Municipal

Somos um coletivo de pessoas que, nesta candidatura à Assembleia Municipal, pretende ser uma lufada de ar fresco no atual contexto político de Santa Comba Dão. Esta é uma candidatura a favor de um modelo de desenvolvimento distinto do atual conceito vigente e pretendemos, sobretudo, defender a qualidade de vida das e dos Santacombadenses.

 

Queremos alterar o atual estado das coisas, chamando a população à participação nas pequenas e grandes decisões do nosso concelho.

 

Sabemos que estás cansado de ouvir que em Santa Comba Dão não se passa nada. De certeza que estás farto de ouvir que não há emprego e que o nosso concelho serve apenas para dormitório. Estarás também cansado de ouvir as mesmas promessas de sempre, ao longo dos anos, sejam as Termas do Granjal ou o pleno funcionamento da Praia Fluvial da Senhora da Ribeira.

Não nos candidatamos para prometer, mas candidatamo-nos para sermos a força de pressão para que as soluções sejam eficazes e as respostas sejam rápidas, candidatamos-nos para mostrar que existe alternativa ao diálogo monótono entre PS e PSD.

Podem contar connosco para manter uma interação permanente entre eleito e eleitor!

João Andrade:

O meu nome é João Artur Veiga Andrade, nasci em Viseu a 1995, cresci e estudei em Santa Comba Dão até aos dezoito anos. Devido à falta de oportunidades na minha terra, decidi emigrar para a Escócia, país no qual residi durante 9 meses, até que, a paixão e as saudades do meu país me fizeram retornar.

A cidade do Porto foi o local escolhido para dar um rumo definitivo à minha vida. Por lá, ingressei no mercado de trabalho, desempenhando várias funções, desde funcionário de uma cadeia de fast-food até técnico de telecomunicações. Na Invicta, residi mais de seis anos, altura na qual, decidi voltar às minhas origens.

Neste momento exerço a profissão de talhante, profissão que não “escolhi”, mas a qual comecei a amar. A entrada na política é, de facto, um mero acaso: A convite de um amigo decidi ingressar no Santa Comba Dão Insubmissa, mas nunca quis protagonismo nem «tachos», no entanto estava farto de reclamar do estado da minha terra e nada fazer por alterar essa realidade, portanto, decidi abraçar esta causa.

A política não é algo que pertença às «elites», embora seja isso que elas nos querem transmitir. Mas acreditem, a política somos todos nós, és tu e sou eu!
Chegou a altura de acabarmos com este conformismo e lutar por aquilo que acreditamos e amamos. Embarco nesta aventura, com algum receio, mas sem nenhum remorso e conto com cada um de vós para devolver a Santa Comba Dão a sua magia e dinamismo.

Quero mais jovens, quero mais emprego, mais justiça social, quero no fundo, tornar Santa Comba Dão um espaço de felicidade e riqueza, tanto económica como social. Agarra a tua voz e junta-te a esta luta!

Conto contigo!”

Ana Margarida León:

Ana Margarida Borges da Silva León nasceu em Lisboa, mas com ascendência beirã (com raízes no concelho de Santa Comba Dão), portuense e estremadurenha (da Estremadura espanhola). Durante a infância, viveu em Vila Nova de Gaia, Angola, Tondela, Serra do Caramulo e Viseu.

Realizou os estudos do Ensino Secundário em Vila Nova de Gaia.

Licenciou-se em Direito (pré-Bolonha) na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, cidade onde também realizou o estágio de advocacia. Ingressou depois na carreira de Registos e Notariado, mediante o curso de pós-graduação em Registos e Notariado, também na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, após o qual estagiou em Vila Nova de Gaia, Ovar e Sintra. Desempenhou funções em Lisboa, Almodôvar, Elvas, Vila Viçosa, Nelas e Mangualde, Desde 2007 que exerce funções como conservadora do registo civil de Tondela, residindo em Santa Comba Dão há mais de 23 anos.

Desde cedo, esteve ligada a associações ambientalistas e de defesa dos direitos dos animais. Melómana, estudou piano no Conservatório de Música de Coimbra e, neste momento, pertence ao Coro Magnus D’Om em Santa Comba Dão.

O prazer de escrever levou-a à publicação de uma obra de literatura infantil e participação em três antologias de contos.

Neste momento, está a realizar uma licenciatura em História, na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.

A decisão de integrar a candidatura do Bloco de Esquerda à Assembleia Municipal tem como fundamento a sua adesão a valores fundamentais protagonizados por este partido: humanismo, ambientalismo, bem-estar animal, integridade, justiça, verdade, igualdade, liberdade.

Consciente da ambição do projeto, mas pautando-se na vida por juízos de convicção, gosta de citar Sebastião da Gama “pelo sonho é que vamos!”

Nuno Lobo:

Sou o Nuno Lobo, nasci em Angola em 1973, sou Engenheiro Técnico Florestal de formação obtida na Escola Superior Agrária de Coimbra, e desde cedo decidi dedicar-me ao serviço público/causa pública ao serviço da Justiça, exercendo com orgulho a profissão de Oficial de Justiça há mais de 20 anos, tendo sido eleito por várias vezes eleito Delegado Sindical do Sindicato dos Funcionários Judiciais, e ainda sido eleito membro do Conselho Nacional deste sindicato.

Fui também eleito membro da Coordenadora Distrital do Bloco de Esquerda do Distrito de Viseu, e ativista dos Direitos Humanos do Núcleo da Amnistia Internacional do Núcleo de Viseu, e o propósito da minha candidatura é criar uma mudança de paradigma da política concelhia, de luta sem complexos, contra o conservadorismo e resquícios “bafientos” latentes, e promover um concelho socialmente mais inclusivo e com um futuro digno.

Nadine Paixão: Sou a Nadine Lourenço Paixão, tenho 30 anos e vivo em Cagido, no concelho de Santa Comba Dão.

A minha profissão é cuidadora informal do meu filho já há 8 anos, que é portador de uma doença rara e que para a sua sobrevivência é necessário máquinas, portanto mesmo que quisesse trabalhar era impossível, sendo que é uma criança que necessita de uma pessoa 24 sob 24 horas.

A minha candidatura é virada para as pessoas com necessidades especiais, que infelizmente Santa Comba Dão não tem praticamente nada adaptado para essas pessoas, estou aberta a novas ideias para conseguirmos satisfazer as necessidades de cada um.

É imprescindível a criação de um parque infantil para as crianças com necessidades especiais, é importante existirem apoios para estas situações, sejam eles ajudas monetárias, medicamentos e fraldas, por exemplo. Os transportes públicos são praticamente nulos e não estão adaptados às pessoas com necessidades especiais.

Mas também vou lutar para preservar os espaços verdes, pelos nossos animais que infelizmente estão um pouco esquecidos, pelos nossos idosos que muitas vezes são deixados sozinhos e isolados.

Santa Comba Dão Insubmissa

Partilhar
Autor
Picture of Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
2
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
3
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
4
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu

Artigos relacionados

RR01122021SOFIAMOREIRADESOUSA0040-Copy-scaled-1-1536x1156
miguel-a-amutio-QDv-uBc-poY-unsplash
johann-walter-bantz-HG1pkXN7SVA-unsplash
imagem_2021-08-09_195357
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Procurar
Últimas notícias
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu