O papel dos catalisadores na redução das emissões poluentes

Os conversores catalíticos desempenham um papel essencial na redução das emissões advindas de veículos com motores de combustão. Estes dispositivos, integrados no sistema de escape, transformam gases de combustão nocivos em substâncias menos perigosas, ajudando a reduzir significativamente o impacto ambiental dos automóveis.

Motores a gasolina emitem, em particular, hidrocarbonetos não queimados, monóxido de carbono e óxidos de azoto. Motores a gasóleo caracterizam-se especialmente por uma emissão de hidrocarbonetos não queimados, monóxido de carbono, partículas de carvão, óxidos de azoto e óxidos de enxofre.

 

Imagem de autopecas-online.pt

 

  1. Eliminação dos óxidos de azoto

Os óxidos de azoto (NOx) estão entre os poluentes mais nocivos emitidos por veículos com motores de combustão interna. Contribuem para a formação de smog e de chuvas ácidas, tendo efeitos nocivos sobre a saúde humana. O catalisador desempenha um papel decisivo na redução destes NOx em azoto e oxigénio, dois gases inofensivos. O processo químico subjacente, denominado por redução catalítica, é, portanto, relevante para minimizar o impacto ambiental dos NOx.

 

  1. Redução de hidrocarbonetos não queimados

Os hidrocarbonetos não queimados são outra categoria importante de poluentes emitidos por veículos automóveis. A emissão destes compostos orgânicos voláteis contribui, por exemplo, para a formação de smog fotoquímico e, em consequência, para um aumento local do nível de ozono.  Além disso, estes compostos são geralmente cancerígenos. A sua emissão descontrolada afeta assim a qualidade do ar e apresenta riscos para a saúde. No catalisador, estes hidrocarbonetos são convertidos em dióxido de carbono e água, reduzindo consideravelmente a sua nocividade.

 

  1. Conversão de monóxido de carbono

O monóxido de carbono (CO) é um gás tóxico produzido em consequência de uma combustão incompleta de combustível. Sendo incolor e inodoro, torna-se impercetivelmente letal quando em concentrações locais muito elevadas. O conversor catalítico converte o CO em dióxido de carbono (CO₂), um gás menos nocivo. Embora o CO₂ seja um gás com efeito de estufa, é muito menos perigoso para a saúde humana do que o monóxido de carbono.

 

  1. Tecnologia e eficiência do conversor

Os conversores catalíticos são constituídos por metais como a platina, o paládio e o ródio. Estes metais atuam como catalisadores. Aceleram, portanto, as reações químicas necessárias para tratar os poluentes sem serem eles próprios consumidos. 

A tecnologia dos catalisadores tem evoluído ao longo dos anos, tornando-se cada vez mais eficaz na eliminação de poluentes sem comprometer o desempenho do veículo. Estes componentes contribuem consideravelmente para reduzir o impacto de emissões de combustão sobre o meio ambiente.

 

  1. Impacto ambiental e regulamentação

A introdução dos catalisadores representou um avanço significativo na luta contra a poluição atmosférica. Os regulamentos rigorosos em matéria de emissões exigem atualmente a utilização destes dispositivos na generalidade dos automóveis com motor de combustão. Ao reduzir as emissões nocivas, os conversores catalíticos ajudam a melhorar a qualidade do ar e a proteger a saúde pública.

Em suma, os conversores catalíticos são componentes essenciais em veículos modernos com motores de combustão, desempenhando um papel decisivo na redução das emissões poluentes. Ao converter os óxidos de azoto, os hidrocarbonetos e o monóxido de carbono em substâncias menos perigosas, ajudam a minimizar o impacto ambiental dos veículos e a proteger a qualidade do ar. Responder às futuras exigências ambientais passa também pela utilização generalizada de catalisadores em veículos, bem como pelo desenvolvimento continuado desta tecnologia.

Partilhar
Autor
Picture of Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
2
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
3
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu
4
Eventos_CMM
Eventos culturais e gastronómicos "para todos" até agosto em Mangualde

Artigos relacionados

bottle-2032980_1280
Prémio Heathy 3
pexels-los-muertos-crew-8460033 (1)
urgências médico hospital
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Procurar
Últimas notícias
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu