“Novo Comandante do Regimento de Infantaria N.º14 toma posse

402

Decorreu a 16 de dezembro, no Regimento de Infantaria N.º 14 (RI14), Viseu, a cerimónia de Tomada de Posse do novo Comandante, Coronel de Infantaria José Manuel dos Santos Sá.

A cerimónia, presidida pelo Comandante das Forças Terrestres, Tenente-General Martins Pereira, contou com as presenças do Presidente da Câmara Municipal de Viseu, Dr. Almeida Henriques, Presidente da Assembleia Municipal de Viseu, Dr. Mota Faria, Presidente da Junta de Freguesia de Viseu, Prof. Diamantino Santos, e do Comandante da Brigada de Intervenção, Brigadeiro-General Loureiro Magalhães.

Teve como momento mais significativo a assinatura do Termo de Posse e a entrega do Estandarte Nacional, confiado à guarda do Regimento, em formatura geral na Parada Capitão Vale de Andrade. De acordo com o Plano de Contingência COVID-19 do Exército, a cerimónia decorreu num modelo reduzido de participantes.

Após a realização dos atos que simbolizam a assunção do comando, teve lugar no Salão de Honra a apresentação de cumprimentos por parte de uma delegação de Oficiais, Sargentos, Praças e de Funcionários Civis que prestam serviço no Regimento e procedeu à assinatura da primeira Ordem de Serviço, enquanto Comandante do RI14.”

 

Sintese Curricular do Exmo. Comandante do Regimento de Infantaria N.º14
O Coronel José Manuel dos Santos Sá nasceu a 21 de outubro de 1967,
na Maia, tem 53 anos de idade e 33 anos de serviço.
Foi promovido ao atual posto em 02 de dezembro de 2020.
Está habilitado com os diversos cursos curriculares de carreira e outros
cursos e estágios de natureza militar, entre os quais o Curso de
Comandantes.
Ao longo da sua carreira, prestou serviço em diversas Unidades e Órgãos
do Exército, destacando-se:
Como oficial subalterno, as funções de oficial instrutor de vários cursos de
formação; comandante de pelotão e adjunto de comandante de
companhia.
No posto de Capitão, foi Comandante do Destacamento do Faial, do
Regimento de Guarnição n.º1, e Oficial Representante das Forças
Armadas, junto da comissão local de Proteção Civil, durante a crise
sísmica que abalou a ilha do Faial, nos Açores, no dia 09 de julho de
1998;
Foi ainda Comandante da Companhia de Comando e Serviços, do 1º
Batalhão de Infantaria, e do Agrupamento Charlie na Kosovo Force e
Adjunto do Oficial de Operações e Oficial de Apoio Aéreo do 1º Batalhão
de Infantaria da Brigada de Intervenção na UNTAET, em Timor Leste.
No posto de Major, foi assessor técnico do projeto 5 (centro de instrução
de operações de apoio à paz), no âmbito da cooperação técnico militar
com a República de Angola e chefe do centro de operações tático da
Força Nacional Destacada no Afeganistão na ISAF.
Ainda como Major, foi 2º Comandante do 1º Batalhão de Infantaria, da
Brigada de Intervenção, que se constituiu em Força Nacional Destacada
no Kosovo, de março a setembro de 2009.
Como Tenente-Coronel foi Comandante do 1º Batalhão de Infantaria da
Brigada de Intervenção; Comandante do Batalhão de Infantaria da Eurofor
RESERVADO
RESERVADO
Diretiva n.º 16/RI14/20 Pág. 2 de 2
European Union Battle Group 2011-2012, tendo sido nomeado por
escolha para o cargo de Comandante do 1º Batalhão de Infantaria que se
constituiu em Força Nacional Destacada no Kosovo, de março a setembro
de 2012.
Desempenhou ainda várias funções no Regimento de Infantaria N.º 13 e
chefe da Secção de Gestão de Oficiais, da Repartição de Pessoal Militar,
da Direção de Administração de Recursos Humanos.
De 01 de outubro de 2018 a 15 de dezembro de 2020, desempenhou o
cargo de 2º Comandante do Regimento de Infantaria N.º13.
Da sua folha de serviços constam diversos louvores e condecorações
nacionais.
O Coronel santos Sá é casado e tem uma filha.