Noites de música através de diferentes épocas e geografias

Com início na segunda-feira, o Festival das Artes QuebraJazz 2021 propõe nos dias seguintes, terça, quarta e quinta, uma viagem pela música clássica que atravessa diferentes épocas, geografias e gerações, guiada pelos Músicos do Tejo, os Aga Khan Master Musicians e a Jovem Orquestra Portuguesa.

Tendo como mapa o tema desta 12.ª edição, Outros Mundos, o Festival das Artes QuebraJazz 2021 apresenta em Coimbra, na quarta-feira, dia 21 de julho, um concerto de música mediterrânea com os Aga Khan Master Musicians e os seus convidados portugueses,  no concerto Música do Mundo.

Às 21h00, na Quinta das Lágrimas, o anfiteatro ao ar livre Colina de Camões recebe Basel Rajoub (saxofone e duclar), Feras Charestan (qãnun), Jasser Haj Youssef (viola e viola d’amore), Andreas Piccione (bateria de quadro).

Com os seus convidados, entre os quais está presente a guitarra portuguesa, os Aga Khan Master Musicians demonstram como a tradição serve de bússola para explorações artísticas em novos formatos de criatividade inspirados no passado.

Os Aga Khan Master Musicians são um ensemble colaborativo que toca instrumentos asiáticos e ocidentais e, ao longo da sua carreira, apresentaram-se com a Orquestra Gulbenkian, em Lisboa; no Mosel Musikfestival, na Alemanha; em Bernkastel-Wehlenand Konzerthaus, em Dortmund, na Renânia do Norte-Vestfália, e com o Quarteto Kronos no Royal Albert Hall, em Londres.

Aga Khan Master Musicians
No dia anterior, terça-feira, 20 de julho, a proposta do Festival das Artes QuebraJazz é a de uma viagem pela música antiga, com a orquestra portuguesa os Músicos do Tejo e a soprano Sandra Medeiros como protagonistas da noite, também no anfiteatro ao ar livre da Colina de Camões, na Quinta das Lágrimas.

Sob o título In furore, o programa integra obras de George Friedrich Händel, Carlos Seixas, Pedro António Avondano, Carl Phillipp Emanuel Bach, Francisco António de Almeida e Antonio Vivaldi e é conduzido pelo maestro Marcos Magalhães.

Os Músicos do Tejo são um agrupamento dedicado à música antiga, de formação variável, fundado em 2005. Na sua carreira já se apresentaram em locais tão variados como Mafra, Vigo, Brest, Paris, Goa (Índia), Sastmala (Finlândia) e Praga (República Checa).

Sandra Medeiros, natural da ilha de São Miguel, percorre, na sua actividade como solista, a música antiga, o oratório, o lied, a canção do séc. XX/XXI e a ópera, tendo actuado sob a direção de destacados maestros e orquestras, nacionais e estrangeiros.

Além de Portugal, tem-se apresentado Reino Unido, Alemanha, Espanha, França, Luxemburgo, Macau, Bulgária, Brasil e Uruguai.

Músicos do Tejo
E na quinta-feira, 22 de julho, às 21h00, no anfiteatro ao ar livre Colina de Camões, a Jovem Orquestra Portuguesa, com o maestro Pedro Carneiro, apresenta Variações Românticas, concerto que tem como solista Luís Cruz, no violoncelo, e cujo programa percorre obras de Wolfgang Amadeus Mozart, Piotr Ilitch Tchaikovsky e Robert Schumann.

Jovem Orquestra Portuguesa dedica-se aos jovens músicos de todo o país, entre os 14 e os 24 anos, selecionados pela sua excelência, talento e potencial. Estes jovens são formados pelo diretor artístico da Jovem Orquestra Portuguesa, Pedro Carneiro, e por outros músicos e ensaiadores convidados, nacionais e estrangeiros.

Jovem Orquestra Portuguesa conta já com 1.353 participações de Jovens músicos de todo o território nacional e, em 2013, ingressou na Federação Europeia de Jovens Orquestras Nacionais

Jovem Orquestra Portuguesa, com maestro Pedro Carneiro
A edição de 2021 do Festival das Artes QuebraJazz decorre entre 19 e 27 de Julho e une, pela primeira vez, dois festivais celebrados em Coimbra. A programação oferece nove dias de concertos, de música clássica e jazz, conferências, experiências gastronómicas e workshops para toda a família.
A cerimónia de abertura do Festival das Artes QuebraJazz acontece às 17h00, com a inauguração da exposição Japão e Portugal: Fusão das Artes e das Letras no Século XVI, que vai estar patente até 30 de julho na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra.

Esta exposição celebra a chegada dos portugueses a outros mundos do Oriente, no Século XVI, primeiro à India, depois à China e, em 1543, ao Japão. Neste país o encontro foi de curiosidade mútua e dele também surgiram trocas, receitas, e formas de arte. Os objetos em presença na Biblioteca de Universidade de Coimbra vêm das primeiras décadas de contacto entre estes dois mundos. Expressam a fusão do encontro que não foi virtual e ficou registado nas cartas, nos livros, nos mapas, nos baús de laca, nas caixas e na decoração das armas.

No mesmo local, uma hora mais tarde, às 18h00, decorre a conferência As rotas oceânicas e a circulação das formas artísticas proferida pelos professores universitários João Paulo Oliveira e Costa e Cristina Castel-Branco.

Esta conferência está também disponível através do seguinte link Zoom
https://videoconf-colibri.zoom.us/j/86126286292?pwd=TmRaRFlRK0dwNFhKMW9rYW1tc1ByQT09
ID da reunião: 861 2628 6292
Senha de acesso: 852608

Toda a programação do 12.º Festival das Artes QuebraJazz pode ser consultada em festivaldasartes.com e os bilhetes adquiridos online.

Partilhar
Autor
Picture of Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
2
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
3
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu
4
Prémio Heathy 3
Câmara de Tondela recebe prémio Locais de Trabalho Saudáveis

Artigos relacionados

thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Eventos_CMM
espetáculo teatro
pexels-marina-hinic-199169-730778
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Procurar
Últimas notícias
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu