Museu do Côa entra no mapa dos Circuitos Ciência Viva

510

O Museu do Côa – Centro Ciência Viva é a grande novidade da 4.ª edição do Guia dos Circuitos Ciência Viva, que será lançada no próximo dia 13 de Julho, segunda-feira, às 10.00, em Vila Nova de Foz Côa.

Estará presente o Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, a Presidente da Ciência Viva, Rosalia Vargas, e o Presidente do Conselho Directivo da Fundação para a Salvaguarda e Valorização do Vale do Côa, Bruno Navarro.

O trajecto tem início no Miradouro de São Gabriel, a 654 metros de altura e com uma vista panorâmica de 360º. Lá em baixo, a Quinta da Ervamoira mostra-se em todo o seu esplendor. Bem mais próximo está Castelo Melhor, tão junto que a lenda assegura que existe um túnel até ao castelo que ninguém conseguiu vencer. Segue-se uma visita à Queijaria da D. Filomena que, todos os dias, depois de ordenhar as ovelhas, dá vida com as suas próprias mãos a queijos muito cremosos. O percurso termina com uma visita guiada ao Museu do Côa, projectado pelos arquitectos Camilo Rebelo e Tiago Pimentel e integrado na magnífica paisagem.

O projecto Circuitos Ciência Viva foi lançado em Fevereiro de 2017 com o lema “Deixe-se guiar pela curiosidade!” e conta com o apoio da Fundação Vodafone, INATEL, CP, GALP e Movijovem, num total de 200 parceiros nas áreas do lazer, da cultura e da restauração. Nasceu da vontade de tornar mais visível a Rede Nacional de Centros Ciência Viva, ligando-a a um ambicioso projecto de turismo do conhecimento. O kit de explorador é composto por um cartão, um guia impresso, um site e uma app, com um total de 19 circuitos, 57 percursos e mais de 200 etapas para explorar.

Também neste dia será lançada a 24.ª edição da Ciência Viva no Verão em Rede, uma edição especial que destaca o projecto Circuitos Ciência Viva. São mais de 200 acções, em 500 datas, que permitirão aos portugueses levar a ciência na bagagem de férias, sempre na companhia de especialistas. Visitas nocturnas de exploração dos Jardins do Bom Jesus, em Braga, passeios de moliceiro à descoberta dos tesouros naturais da Ria de Aveiro, visitas a uma das maiores jazidas com pegadas de dinossáurios jurássicos da Península Ibérica, em Vale de Meios, percursos no Aqueduto das Águas Livres, passeios de caiaque à descoberta da Ria Formosa e descidas à Mina de Sal-Gema Campina de Cima, em Loulé, são algumas das acções a decorrer entre 15 de Julho e 15 de Setembro.