Meio milhão de euros investidos no Piaget de Viseu

Perto de meio milhão de euros deverão ser investidos no Instituto Piaget de Viseu durante o ano em que está a comemorar três décadas de existência, disse hoje à agência Lusa o presidente do campus, Paulo Alves.

“Vamos aproximar-nos este ano do meio milhão de euros de investimento”, que vem sendo feito desde o final do ano académico anterior, explicou o responsável.

Paulo Alves referiu que “estão concluídas e a ser já utilizadas diversas salas de aulas que foram requalificadas” e a sala da área da tecnologia.

Praticamente concluídas estão também as obras que permitiram adequar a cantina às necessidades dos estudantes e decorre a intervenção num auditório, que será inaugurado no dia 03 de maio e ganhará o nome de António Almeida Santos, antigo presidente da Assembleia da República.

O responsável aludiu ainda à requalificação do eco campus, ao projeto de climatização (com recurso à biomassa) e ao investimento de mais de cem mil euros num centro de simulação para os alunos de Enfermagem.

Paulo Alves avançou à Lusa que está também “alinhado com o município um investimento de maior envergadura na requalificação do espaço da Aula Magna”, onde hoje decorre um seminário de comemoração dos 30 anos do Instituto Piaget de Viseu e dos 26 anos da sua Escola Superior de Saúde.

“A requalificação vai avançar este ano. Queremos devolver este espaço a Viseu e à região. Queremos que seja possível a sua utilização plena por toda a comunidade”, frisou o responsável, lembrando a importância de dinamizar a zona norte do concelho, onde se situa o campus (em Galifonge, a cerca de 15 quilómetros do centro).

Em maio, completam-se dois anos desde que a estrada de acesso ao Piaget se encontra encerrada, o que implica um desvio e mais tempo de caminho para todos aqueles que o frequentam.

“Temos estado profundamente limitados no acesso a este campus. Tenho sentido que o presidente da Câmara continua empenhado, mas a verdade é que a estrada está fechada”, lamentou Paulo Alves.

A funcionar desde 1993, o Instituto Piaget de Viseu conta com uma comunidade académica de 600 pessoas.

A uma primeira década com “um crescimento apoteótico, tanto a nível de alunos, como de cursos e de professores”, seguiu-se uma segunda de “decréscimo significativo”, a par do que aconteceu no restante ensino superior privado e cooperativo.

“Há cinco anos que temos estado a crescer. Temos aumentado não só o número de alunos – em média, 10 a 12% por ano – como de cursos. Este ano abrimos dois novos cursos, um CTeSP (Curso Técnico Superior Profissional) na área do Exercício Físico e Saúde e um mestrado em Psicologia da Educação e Aconselhamento”, contou.

O Piaget de Viseu tem aprovadas (para o prazo máximo de seis anos) quatro licenciaturas, nomeadamente Enfermagem, Fisioterapia, Psicologia e Relações Internacionais, sendo as três últimas únicas na região.

“A par das licenciaturas temos mestrados, CTeSP e pós-graduações e acabámos de submeter pedidos para mais dois mestrados, um na área da Fisioterapia e Desporto e outro de Psicologia da Saúde”, adiantou.

Paulo Alves lembrou que o Piaget acolhe também alunos do curso de pilotos de linha aérea comercial (que depois fazem a parte prática no aeródromo de Viseu), uma área em que quer continuar a apostar, numa parceria com o município, a Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões e outras entidades.

“Acabámos de submeter propostas para a criação de dois cursos profissionais de nível 4, um de Mecânicos de Aeronaves e Material de Voo e outro de Proteção Civil. Se vierem aprovadas, como acreditamos, estaremos a criar mais-valias para o território que são diferenciadas”, frisou.

Cerca de 30% dos alunos são do concelho de Viseu e percentagem idêntica de outros concelhos do distrito. Há ainda uma percentagem significativa de alunos dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (15%), que tem tido “um decréscimo acentuado face às grandes dificuldades económicas desses países, sobretudo de Angola”, acrescentou.

Partilhar
Autor
Picture of Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu
2
Rossio Viseu
Prejuízo de 1,5 ME nos transportes públicos leva Câmara de Viseu a abrir concurso
3
espetáculo teatro
Boneca com inteligência artificial promove reflexão sobre abuso sexual em Viseu
4
pexels-boom-12585940
Jornalistas desportivos distinguem Carlos Lopes por mérito internacional

Artigos relacionados

Visita e protocolo Recreio 1
bottle-2032980_1280
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Prémio Heathy 3
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Procurar
Últimas notícias
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu