Louça preta de Molelos é o primeiro produto artesanal certificado em Tondela

Os oleiros de Molelos receberam as primeiras etiquetas de certificação da louça preta, o primeiro produto artesanal certificado no concelho de Tondela, que distingue o barro cozido de forma tradicional ou em forno normal.

É o primeiro produto certificado por uma entidade certificadora, que obriga a uma série de procedimentos, nomeadamente à publicação em Diário da República, e hoje encerra todo um processo com a entrega das etiquetas aos oleiros”, referiu o vice-presidente da Câmara de Tondela.

Pedro Adão explicou que a certificação teve início em 2019 e, “depois de alguns atrasos em 2020, por força da pandemia, finalmente hoje, em parceria com todos os oleiros, os produtos vão para a rua com certificação”.

“A louça preta de Molelos é um produto que está mais do que no mercado, tem o potencial que tem, e é precisamente para garantir a sua continuidade que foi certificado, porque vai dar a capacidade de entrar noutros mercados e garantir a exclusividade do produto”, defendeu Pedro Adão.

Esta certificação tem duas etiquetas diferentes: “Uma é para os produtos cozidos de forma tradicional, em forno a lenha ou até na ‘soenga’, o processo ainda mais antigo e tradicional, em que as peças são cozidas em buracos na terra, e uma segunda é para a louça cozida em forno normal, para que o cliente saiba o que está a comprar”.

Apesar de haver mais locais no país com barro preto, Pedro Adão destaca que com esta certificação está “referenciada a um território próprio, Molelos”, freguesia de Tondela e “é exclusivo a este território e não há mais nenhum igual”.

“É produzido neste território, com o barro deste território e com a tradição que se mantém no território. Há todo um manual de certificação que os oleiros têm de cumprir e que garantem que não haverá concorrências desleais do produto”, assegurou.

No seu entender, a certificação tem “uma importância enorme” e é “uma proteção ao artesanato e do artesão”, neste caso, de cinco olarias, e cerca de oito artesãos, que trabalham a louça preta de Molelos e que hoje receberam as primeiras etiquetas para os seus produtos.

O processo foi “todo suportado pela Câmara” e envolveu todos os artesãos e as entidades responsáveis, entre elas o Instituto de Emprego e Formação de Portugal (IEFP) , que “obriga a uma série de procedimentos, nomeadamente à publicação em Diário da República”.

Uma certificação que o vice-presidente da Câmara disse também que vai fazer com que “as entidades responsáveis continuem a acompanhar o trabalho dos artesãos” e “verifiquem no local o cumprimento do manual” de certificação.

 

Foto : 7 maravilhas

Partilhar
Autor
Picture of Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
espetáculo teatro
Festival de Teatro Jovem e Amador de Viseu arranca na sexta-feira
2
Académico_de_Viseu
União de Leiria vence Académico de Viseu no fecho da 33.ª jornada da II Liga
3
tribunal
Presidente do grupo Lusiaves absolvido do crime de branqueamento de capitais
4
GNR-carro
Um de três detidos em prisão preventiva por tráfico de droga em Viseu

Artigos relacionados

Viseu Sé
2024-05-19 CerimoniaDoacao_Conferencia_HumbertoDelgado_imagem
polícia psp
Museu Terras de Besteiros 1
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Procurar
Últimas notícias
Viseu Sé
Diocese de Viseu com menos 34 padres no ativo do que em 2015
2024-05-19 CerimoniaDoacao_Conferencia_HumbertoDelgado_imagem
ENTREVISTA: Fotografias da campanha de Humberto Delgado escondidas durante 50 anos descobertas em Lamego
polícia psp
Cinco pessoas detidas por suspeita de tráfico de droga na região de Viseu
Museu Terras de Besteiros 1
Museu Terras de Besteiros cria roteiros para alunos do segundo ciclo em Tondela