Lista de compras – uma solução útil?

390

Ainda que muitas vezes tentemos, não podemos ficar indiferentes à publicidade na internet, na televisão, no rádio, nos jornais, nas nossas caixas de correio e em outdoors que nos incitam a comprar um sem-número de produtos, desde alimentos até vestuário, sobretudo nesta quadra natalícia.

Aceite o nosso desafio e junte a família para construírem a vossa lista de compras. Sempre com o intuito de economizar, tempo e dinheiro, descobrirá a utilidade de ter esta “cábula” consigo. Atempadamente faça a lista do que necessita para comprar, o indispensável, e não se esqueça de levar os seus próprios sacos.

Aproveite para consultar os folhetos promocionais. Pode ser uma oportunidade para poupar dinheiro com as reduções de preço. Mas seja crítico com as promoções e os descontos, verifique se o preço compensa, e se precisa efetivamente do produto. Todos os produtos devem exibir, de forma legível e inequívoca, o preço atual e o antigo ou a percentagem de desconto.

No que respeita a produtos de higiene e limpeza, que devem também figurar na lista, as embalagens maiores, em princípio, têm um preço por unidade de medida (por exemplo: quilo, litro) mais em conta. No caso dos alimentos, assegure-se de que consegue gastá-las em tempo útil, em função da data de validade.

Embora os miúdos possam, e devam, participar na lista de compra, evite levá-los consigo. Em certas lojas, os produtos para os mais pequenos estão ao nível dos olhos, podem, por isso, tentar influenciar a compra de artigos mais atrativos que nem sempre são a melhor opção.

Vá com tempo para comparar os preços dos diferentes produtos, os produtos de “marca própria” ou “marca branca” podem ser boas alternativas.

Experimente sair com a sua lista!

DECO CENTRO

Conte com o apoio da DECO Centro através do número de telefone 239 841 004, do endereço eletrónico deco.centro@deco.pt.