Costa “muito feliz” com parecer favorável do Parlamento Europeu a Elisa Ferreira

998

O secretário-geral do PS manifestou-se hoje “muito satisfeito” com o parecer favorável do Parlamento Europeu para que Elisa Ferreira assuma o lugar de comissária europeia com a pasta da coesão e das reformas.

António Costa falava aos jornalistas em Mangualde, distrito de Viseu, depois de confrontado com o facto de a comissária indigitada por Portugal para o futuro executivo comunitário, Elisa Ferreira, ter merecido parecer favorável do Parlamento Europeu para assumir o cargo.

“Acho que é uma excelente notícia. Negociámos esta pasta para Portugal, não só pela conclusão do próximo quadro plurianual, mas, sobretudo, porque nos próximos cinco anos se vai discutir a reestruturação dos fundos comunitários para os sete anos seguintes”, salientou o líder socialista.

António Costa defendeu que há a consciência que a atual negociação “já está a ser muito difícil com a saída de um contribuinte muito importante como o Reino Unido, com a diversificação das despesas (desde às áreas da segurança, migrações, defesa) – e há uma grande pressão para a modernização dois fundos estruturais da União Europeia”.

“Ao longo destes cinco anos, é preciso fazer um grande trabalho para que daqui a sete anos haja um novo quadro comunitário que responda às novas necessidades, mas que também permita a Portugal e outros países em situação idêntica poderem ter bons instrumentos no futuro”, apontou o secretário-geral do PS.

António Costa frisou que a pasta que vai ser assumida pela ex-vice-governadora do Banco de Portugal “é estratégica para o futuro da Europa”.

“Fiquei muito feliz com a prestação que Elisa Ferreira teve no Parlamento Europeu, e que justifica a unanimidade que recebeu Comissão de Política Regional. Como sempre imaginei, é uma comissária que vai prestigiar muito Portugal”, acrescentou.

 

 

Lusa