"Canto a Vozes" em Vouzela a 22 de agosto

Vouzela vai acolher no dia 22 de agosto, pelas 21h30, no anfiteatro do Parque de Liberdade, o
espetáculo “Canto a Vozes”.
A iniciativa é o culminar das oficinas “Canto Polifónico Feminino”, inseridas no âmbito do projeto Cultura
Entre Pontes (CEP), e que reúnem um leque vasto de jovens vozes de Sever do Vouga, Vouzela, São Pedro
do Sul e Oliveira de Frades para dar voz e perpetuar esta prática, que está a ser alvo de candidatura a
património imaterial da UNESCO.
«Há muito que não se testemunhava a vontade de perpetuar o canto polifónico com esta vitalidade e com um
grupo de mulheres tão jovens, com uma média de idades na casa dos 30 anos, e a prova são os 4
espetáculos agendados para este verão nos 4 municípios que integram o projeto CEP», concretiza Paulo
Pereira, diretor artístico das oficinas e dos concertos de canto polifónico. «Há algo de profundamente mágico
e particular no canto polifónico que é esta técnica de canto, para alguns algo difícil de compreender, que é
precisamente cantar em ‘descante’, em que a afinação em particular soa a algo ‘desafinado’. Parece uma
contradição, mas é aqui que reside o caráter diferenciador, único desta forma de cantar ‘modas’. As vozes
projetadas com força vão ao limite agudo da canção e revelam uma concentração quase em transe das
cantoras», explica Paulo Pereira. «Quem ouve pela primeira vez Canto Polifónico associa muitas vezes às
vozes de outras paragens, da Córsega, às vozes árabes e búlgaras. É uma experiência que nos transcende,
hipnotiza», concretiza.
Os concertos do grupo composto por 40 vozes realizam-se no dia 21 de agosto no Parque Severi em Sever
do Vouga e no dia a seguir, a 22, no Anfiteatro do Parque da Liberdade em Vouzela; em setembro a 11 o
concerto terá lugar na Escadaria do Monte de Cadafaz, Ribeiradio em Oliveira de Frades e dia 12 atuam na
Praça do Município em São Pedro do Sul. Aos espetáculos irão juntar-se associações locais de cada
Município. Cada uma, com base no património recolhido por Michel Giacometti, vão apresentar cerca de 3
cantadas ou modas. Em Vouzela, marcará presença o Grupo de Cantares de Levides e o Grupo de
Cantares da Associação de Carvalhal de Vermilhas.
Estes concertos são o culminar de um esforço de captação de jovens vozes para perpetuação do canto
polifónico feminino, só possível nas oficinas de canto criadas para o efeito e no âmbito do projeto CEP. Estes
concertos são afinal um ato de “amor sincero ao povo”, utilizando a expressão de Giacometti, reconhecido
etnomusicólogo francês que desenvolveu no território um trabalho único na preservação e valorização do
património imaterial associado ao canto polifónico.

As oficinas, ministradas pelas reconhecidas cantoras Carmina Repas Gonçalves, Joana Negrão, Celina da
Piedade e Teresa Campos têm como objetivo preservar e reinterpretar o cancioneiro tradicional do território,
para que esta importante e identitária prática não se perca no tempo. O objetivo passa assim pelo ensino,
disseminação e valorização do canto a 3 vozes junto da população mais jovem, sendo recuperadas e
transcritas para pauta 10 cantadas a partir do património musical polifónico dos 4 Municípios – Sever do
Vouga, Vouzela, Oliveira de Frades e São Pedro do Sul.

Sobre a Iniciativa Cultura Entre Pontes (CEP)
A CEP visa capacitar não só as associações culturais e artísticas destes Municípios, mas também fortalecer
‘novas’ pontes de contacto e colaboração futuras. O trabalho com as associações culturais e com a
comunidade é o âmago do projeto. Além do enfoque no canto polifónico, estão contempladas visitas
encenadas em locais de elevado valor patrimonial para visitação e promoção dos territórios. Mas há muito
mais, desde uma mostra sobre o emblemático canto polifónico, um roteiro turístico e cultural pelos 4
municípios com recurso a vídeo mapping e até uma mítica caderneta de cromos. Esta rede supramunicipal
(que une Municípios de duas sub-regiões diferentes – Viseu Dão Lafões e a de Aveiro) pretende que as
entidades envolvidas passem a ganhar escala e partilhem uma visão comum na superação dos desafios de
captação de novos públicos e visitantes, que são tão importantes para reverter as quebras das dinâmicas
económicas e culturais provocadas pela pandemia de Covid-19.
Projeto cofinanciado pelo Centro2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Europeu de
Desenvolvimento Regional.

Partilhar
Autor
Picture of Notícias de Viseu
Notícias de Viseu
Notícias de Viseu é um órgão de informação regionalista, independente, livre de influências políticas, económicas, religiosas ou quaisquer outras, votado à prática de uma informação cuidada, verdadeira e objetiva.

Novidades

1
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
2
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
3
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu
4
Prémio Heathy 3
Câmara de Tondela recebe prémio Locais de Trabalho Saudáveis

Artigos relacionados

thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Eventos_CMM
espetáculo teatro
pexels-marina-hinic-199169-730778
Entre em contacto

+351 232 087 050
*Chamada para rede fixa nacional

geral@noticiasdeviseu.com
publicidade@noticiasdeviseu.com

Avenida do Convento nº 1, Complexo Conventurispress, Orgens 3510-674 Viseu

Subscrever Newsletter
Procurar
Últimas notícias
Visita e protocolo Recreio 1
Câmara de Tondela apoia obras em edifício que acolherá creche no Caramulo
bottle-2032980_1280
Município de Lamego melhora desempenho das estações de tratamento de água
thomas-thompson-KEWVZAwkLxQ-unsplash
Associação do Dão lança projeto turístico que permite experiências rurais
Académico_de_Viseu
Rui Ferreira é o novo treinador do Académico de Viseu