Câmaras de São Pedro do Sul e Tabuaço criam banco de voluntariado

281

As Câmaras de São Pedro do Sul e Tabuaço, distrito de Viseu, estão a criar um banco de voluntariado para ajudar os munícipes que estão em isolamento social por causa da pandemia da covid-19.

“O município está a criar um banco de voluntariado, para ajudar quem mais precisa durante a pandemia da covid-19, num gesto de solidariedade e de cidadania, onde o presidente da câmara [de São Pedro do Sul], Vítor Figueiredo, e a vereadora Teresa Sobrinho já estão inscritos”, diz aquela autarquia, em comunicado.

O documento, publicado na página oficial da Câmara no Facebook, explica que “os voluntários serão encaminhados conforme a sua disponibilidade e as necessidades registadas no concelho, nomeadamente no apoio aos munícipes em situação de isolamento social ou nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS)”.

“O formulário para inscrição, caso esteja interessado, encontra-se em http://www.cm-spsul.pt/images/files/diversos/voluntarioado_covid19_fichadeinscricao.pdf”.

Num apelo semelhante, a Câmara Municipal de Tabuaço publicou na sua página do Facebook o ‘link’ (http://cm-tabuaco.pt/voluntariado-covid-19) onde os cidadãos interessados se devem inscrever.

“O contributo de cada um é importante na luta contra a covid-19. Inscreve-te no Banco de Voluntariado COVID-19, Tabuaço agradece!”, refere a autarquia.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 750 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 36 mil.

Dos casos de infeção, pelo menos 148.500 são considerados curados.

Em Portugal, segundo o balanço feito na segunda-feira pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 140 mortes, mais 21 do que na véspera (+17,6%), e 6.408 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 446 em relação a domingo (+7,5%).

Dos infetados, 571 estão internados, 164 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 43 doentes que já recuperaram.