5 Viriatos na 9ª edição Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela

143

Meio milhar de atletas deslocaram-se até Seia, durante o fim-de-semana (14, 15 e 16 de junho), para se aventurarem nos trilhos da mais imponente montanha portuguesa – a serra da Estrela, para percorrerem as quatro distâncias (160K, 100K, 50K e 20K), mas também para conquistar o galardão de Viriato (200K) do Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela (OMD).

 

Igual a si própria e fazendo jus ao nome, a nona edição confirmou ser um desafio surpreendente, pela espetacularidade do território e as dificuldades acrescidas que o mesmo impõe. Superando todos os desafios, o OMD de 2019 sagrou cinco novos Viriatos da Serra da Estrela, com a estreia de uma atleta do sexo feminino.

 

Bruno Lopes, do Boavista Trail, foi o primeiro a alcançar a meta e o prestígio dos Viriatos, com apenas 36 horas e 16 minutos. Patricia Carvalho, da ATR – Algarve Trail Running, que também foi a grande vencedora feminina das 100 milhas de Portugal (32h33), alcançou a proeza dos 200km com 41horas e 56 minutos, seguida de Luís Nunes, da Runners da Frente Ribeirinha (41h57m), e de Nilton David e Stevan Pavlovic (41h59m), ambos da equipa UltrAlentejanos.

 

O mais rápido das 100 milhas da serra da Estrela e tão ambicionado primeiro lugar do pódio viria a pertencer a António Quaresma, do Coimbra Trail Running, que concluiu a prova em apenas 24 horas e 8 minutos.

O pódio masculino dos 160K ficou completo com Armando Costa (EDV – Viana Trail) na segunda posição, com uma diferença de uma hora e vinte e 8 minutos do vencedor António Quaresma, e Bruno Lopes (26h33m), do Boavista Trail, que mais tarde se viria a sagrar Viriato.

No pódio feminino, liderado pela algarvia Patricia Carvalho, o segundo lugar foi ocupado por Ana Costa, da Running Team Maia, com uma diferença de seis horas e 12 minutos da vencedora. Já a terceira posição foi preenchida por Elena Domínguez González, do C.A Olimpico Vianense Trail (39h06m).

As 100 milhas contaram ainda este ano com um novo pódio, dedicado a duplas, que foi ocupado por Manuel Quelhas & Nuno Miguel (32h15m), da Quelhas e Fofoni, seguido da dupla José Faria & Mariana Ballester (37h38m), do Trail-Running.pt.

 

Nos 100K destacou-se o atleta do Clube de Atletismo de Ferreira do Zêzere, Luís Graça, na primeira posição (13h18m), seguindo-se António Pinto, do HMC – Runnings – S.M.Feira (13h25m), e Diogo Santos, da G.D. Trancoso (13h28m).

Na prova feminina, a madeirense Maria João Abreu, do Clube Desportivo e Cultural do Porto Moniz, foi a mais rápida, com 16 horas e 43 minutos. Com uma hora e 11 minutos de diferença, o segundo lugar foi ocupado por Catarina Silva, da equipa Bruxos Runners, a que se seguiu a francesa Frédérique Lahure-Diaz (21h03m), da Infosport Loiret.

O pódio das duplas nesta categoria foi preenchido por Filipe Garcia & José Silva (21h46m), da VisitViseu, no primeiro lugar, e Artur Ferreira & Daniela Soares (28h57m), da Vbikes Bikestore, na segunda posição.

 

Na prova dos 50K, o grande vencedor foi André Ribeiro (AB Cansado Trail), com o tempo de 5 horas e 29 minutos, seguido de Nelson Santos (5h37m), do Dão Nelas Runners. Pablo Freijanes, do Boa Vista Trail, terminou a prova com 6 horas e 2 minutos, obtendo o terceiro lugar da classificação final.

Ao pódio feminino subiram Catarina Fernandes, do Viriathvs Runners Vielpeças Trail (06h56m), Cristiana Ferreira, do Running Espinho (07h42m), e Luz Paulo, do Club Montanhismo da Guarda (08h23m), respetivamente ao 1º, 2º e 3º lugares.

 

Finalmente, no trail dos 20 quilómetros os atletas do Clube de Praça da Armada ocuparam os primeiros lugares do pódio, com Luís Fernandes a liderar, com o tempo de 02h10m, e Virgílio Gomes, na segunda posição, com apenas 1 segundo de diferença. Miguel Ribeiro, da equipa Zona AltaTrail, classificou-se em terceiro, com duas horas e 13 minutos.

Inês Jordão, do Monsanto Running Team, foi a primeira atleta a terminar nesta competição, com 2h41m, seguida de Andreia Correia, do Vespinga Saudável (2h45m), e Joana Esperanço (2h45m), do Montanha Club Trail Running/Efapel, na terceira posição.

 

Associado oficial do RUN THE WORLD e ITRA – International Trail Running Association, o OMD 2019 foi organizado pela empresa Horizontes, tendo como promotores o Município de Seia e a União das Freguesias de Seia, São Romão e Lapa dos Dinheiros. As distâncias do Oh Meu Deus Ultra Trail Serra da Estrela também pontuam para o UTMB: OMD50 com 3 pontos, OMD100 com 5, OMD160 e OMD200 com 6 pontos.